Resenha Rosa Imortal – Evaldo Pedroso

“Ar de mistério, nevoeiros, sussurros atrás da porta, seres da noite. Será que em meio a tantos filmes e séries do momento como Supernatural, The Vampire Diaries e o bestseller de vendas Crepúsculo, ainda conseguiremos nos surpreender com um mundo imaginário dominado por vampiros?

Rosa Imortal de Tâni Falabello nos mostra que sim, que ainda é possível nos surpreender com o gênero, nos envolvendo com personagens complexos e uma narrativa ambientada em uma Londres sempre eterna.

Em meio a uma investigação regada a homicídios e ocultismo, a autora nos apresenta Eileen, uma jovem estudante de jornalismo que divide a vida entre as atribuições da idade e as investigações policiais para o serviço secreto britânico, até se deparar com um fato inusitado, uma série de assassinatos e o sumiço repentino de seu namorado.

Novos personagens surgem em meio a uma conspiração internacional, e em um mundo onde o bem e o mal se misturam, afinal, como na obra de Robert Louis Stevenson, todos temos a nossa parcela de Dr Jekyll and Mr Hyde, ficando difícil definir quem é o “mocinho e quem é o bandido”.

O clima é de suspense, sem perder a magia e o romantismo tipicamente londrino, de modo que a autora nos leva a perguntar o que tem no ar desta cidade que a torna tão viva.

Para os jogadores de RPG, a obra é uma leitura indispensável; para os amantes das letras e da literatura, uma experiência enriquecedora.

Surpreenda-se com o livro, e descubra que no fundo, é impossível não se perguntar, quem é essa Rosa Imortal.”

evaldo

Evaldo Pedroso

Advogado

Membro da Comissão de Direito Cultural da OAB/PR

Membro do Centro de Letras do Paraná